Pages

Categories

Pesquisar

 

Boas largadas marcam desempenho da Escuderia X no Arena Cross em Criciúma (SC)

Boas largadas marcam desempenho da Escuderia X no Arena Cross em Criciúma (SC)

Escuderia X
Por Escuderia X
27 de junho de 2017
Escuderia X

Equipe curitibana tem três atletas na disputa

Aconteceu na noite do último sábado, 24 de junho, a 2ª etapa do Arena Cross Brasil 2017. A cidade de Criciúma, Santa Catarina, foi a eleita para receber a competição, que reúne os 15 melhores pilotos em atividade no Brasil. A Escuderia X seguiu para a etapa catarinense com 3 pilotos na disputa da MX1.

Jetro Salazar #920, o mais experiente entre os três, enfrentou dificuldades durante as provas. O campeão brasileiro de motocross travou boas disputas por posições em todas as voltas e alcançou o 7º lugar na primeira prova e o 6º lugar na segunda, após ocupar o 3º posto até a penúltima volta. O equatoriano encerrou com a 7ª colocação geral. Com o resultado o piloto ocupa a 5ª posição na classificação do campeonato, com 36 pontos.

“Que corrida maluca! Brigas por posições em todas as voltas. Cometi alguns erros bobos e já estou trabalhando forte nesses pontos para alcançar o pódio na etapa seguinte”, analisou Salazar.

Lucas Dunka #934 acelerou forte em Criciúma. O jovem piloto fez uma ótima largada na primeira bateria e chegou a acompanhar o pelotão dianteiro nos minutos iniciais da prova. O catarinense encerrou a primeira prova com o 13º lugar, após alguns deslizes, mesmo resultado da segunda prova e também da etapa. No campeonato Dunka segue na 9ª colocação, com 21 pontos.

Leandro Pará #958 não contou com a sorte na primeira prova e, com um pneu furado, teve de abandonar a disputa. Já na segunda bateria o piloto largou na excelente 2ª posição e manteve o ritmo entre os 5 primeiros durante a metade inicial, mas sentiu travar o braço e perdeu rendimento, encerrando em 10º lugar, para alcançar a 12ª colocação na etapa. O piloto é o 13º colocado na classificação geral do campeonato, com 10 pontos.

Cale Neto, chefe de equipe, fez sua avaliação sobre a participação da Escuderia X na etapa:

“ A pista era extremamente lisa, sem buracos ou canaletas, o que nivelou todos os pilotos. Normalmente a diferença do primeiro colocado para o décimo no Arena Cross é de 1,5 segundo ou 2 segundos, nesta etapa estava na casa dos 0,400 segundos. Quem encaixou os saltos e as curvas certinho se manteve entre os ponteiros. Quem errou menos se deu muito bem. Nossos pilotos erraram bastante por conta dessa busca por velocidade, procurando onde evoluir. E esses erros custaram caro. De qualquer forma já estamos focados nos treinos e vamos batalhar para que a próxima etapa do Arena seja bem diferente dessa em termos de resultados”.

A Escuderia X terá algumas semanas para focar nos treinamentos antes de encarar a 3ª etapa do Arena Cross, que acontece no dia 22 de julho. Na sequência, no dia 30 de julho, acontece a 2ª etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross.

Acompanhe a Escuderia X!


Website: www.escuderiax.com.br
Facebook: www.facebook.com/escuderiaxbrasil
Instagram: www.instagram.com/escuderiax

Fotos: Clio Luconi Fotografia

Informações para a imprensa:
Speedcom
Mayra Maglio – Jornalista Responsável
MTB 60.260
(11) 94713-9937
mama.maglio@gmail.com

Posts Relacionados

WP-Backgrounds Lite by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann 1010 Wien